MERCENARIES

Ir em baixo

MERCENARIES

Mensagem por The Control em Seg Nov 24, 2014 9:51 pm

Daniely Barnes
Daniely Bounevuelle Barnes
Garota Infernal.
17 anos
ocupado
Super agilidade.
Heterossexual
Barbara Palvin
HISTÓRIA:

A beleza escultural de Daniely Barnes era contraditória ao seu alter ego. De Garota infernal, as pessoas não viam nada. Não, pelo menos, quando ela estava entre uma multidão, agindo normalmente. Era apenas mais uma cidadã no meio de tantos outros. Se lhe perguntassem se era uma modelo, poderia dizer que sim, e acreditariam sem mais uma palavra ser dita, como garantia veredicta. Em sua infância, precisou ser afastada da mãe, Johanna Bouvenelle, tendo que amadurecer precocemente. O que muitos chamavam de infância conturbada, Daniely tirava por inferno. Era caçada diariamente, até que seu pai fora capturado pela S.H.I.E.L.D, a mando de Yovanna Fure. As duas tinham uma relação de ódio nato. Não suportavam ouvir nem mesmo seus nomes, que uma súbita raiva era apoderada de formas incontroláveis. Aprendeu sozinha como matar, se esconder e ser uma especialista em guiar assassinatos. Aos 15 anos, fora encontrada por Chace Mason, um torturador. Buck o havia informado de procurar sua filha e deixá-la no comando de tudo enquanto estivesse fora. Chase havia dito que ensinaria tudo a Dany, mas o que ele não esperava, é que a garota já soubesse fazer muito mais que ele.

Os dois viveram um pequeno romance, que fora interrompido por mais uma façanha de Yovanna. A chefe da S.H.I.E.L.D havia localizado Chace, capturando-o e o mantendo trancafiado no hangar de detentos mais perigosos do estado. Daniely prometera vingança, mas em seu caminho, não contava com a presença dos novos vingadores. Sabia da existência de todos eles, mas não os conheciam por detalhes. Travou uma batalha incansável com Evelyn Romanoff, que contava com a ajuda de mutantes do Instituto Xavier, liderados por Amëlie Grey em missão. Em meio a luta, acabou atraindo a admiração de Evelyn, e o desprezo de Amëlie, que achava estar perdendo a amiga. Por que? Daniely revelara sua identidade, e ao saber que a filha do melhor amigo de seu pai estava bem ali, lhe provocara um sentimento de confusão. Queria ser amiga dela, fazer coisas que amiga fazem. Mas não podia. Não podia ter amigos. Vivia neste conflito de mandar uma mensagem para Evelyn, que acabara fazendo por si. Nas escondidas, as duas prometeram continuar se falando, e não comprometendo a integridade de ambas as facções. Souberam dividir a parte inquisidora da profissão que exerciam, e davam um jeito de sempre se encontrarem. Em frente aos demais, tinham que atuar, mostravam um ódio inexistente, que até por vezes geravam risos repentinos, o que deixavam os mercenários, caregivers e novos vingadores confusos. Evelyn prometera ajudar com o caso de Chase, mas não podia fazer muito por estar indo contra suas leis. Apesar de se chatear com tais feitos, Daniely entendia, e reconhecia o ato como um grande esforço da amiga secreta.
"His best weapon is his word."


THANKS TO LOUIS AT ATF![/url]

------ ✖ ------

THE CONTROL
Welcome to your life there's no turning back, you wanted more than could endure. You all wanted money, all power and all glory. But now but now its decay, darling.
avatar
The Control
Narrador
Narrador

Mensagens : 120
Data de inscrição : 19/07/2014

Ver perfil do usuário http://the-newgeneration.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum